(62) 3956-7600     Segunda à sexta-feira das 9 às 17 horas    

1ºRIGO efetiva três estudantes de escola pública para seu quadro de colaboradores

9 de setembro de 2022

No último mês de agosto, o Registro de Imóveis da 1ª Circunscrição de Goiânia(1ºRIGO) efetivou três jovens aprendizes que ingressaram na Serventia pelo Programa Construindo o Futuro. Após serem selecionados em escolas públicas e participarem das atividades internas, Juan Rodrigues de Arruda, Thiago Régis Leão e Isabella Camilo Prado compõem agora o quadro de colaboradores.

Lançado em 2019, o Programa Construindo o Futuro seleciona jovens estudantes de escolas públicas de Goiânia que melhor pontuaram no mais recente Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Após serem aprovados no processo seletivo, o vínculo dos estudantes com o 1ºRIGO é de 22 meses, inicialmente, e com quatro horas diárias dedicadas às atividades internas e ao desenvolvimento humano, cultural e psicológico, com ênfase no aspecto profissional.

Participar do Programa é descrito pelo estudante do Colégio Estadual Antônio Oliveira da Silva,  Juan Rodrigues, 17 anos, como uma oportunidade única com a qual aprendeu muito, trabalhando nos diversos setores do 1ºRIGO. “Desenvolvi a minha comunicação com as pessoas, a minha organização pessoal, aprendi sobre educação financeira, resultando na minha independência ao fazer as coisas”, declara.

Enquanto eram jovens aprendizes, os três estudantes trocaram de departamentos dentro da Serventia, periodicamente, permitindo que conhecessem todos os procedimentos necessários para prestação dos serviços de registro de imóveis. De todos os departamentos, Juan fala que sua passagem pelo Setor da Análise foi decisiva para sua escolha profissional.

“Desenvolvi muito nesse setor, despertou o meu interesse em aprender cada vez mais, me senti mais disposto a aprender sobre os títulos e aprender coisas novas. Ali, encontrei o meu objetivo, me apaixonei pelo Direito, o curso que irei fazer”, afirma. Já Isabella Camilo Prado, também com 17 anos e estudante do Colégio Estadual Jardim Europa, afirma que todos os setores da Serventia nos quais atuou foram importantes para seu desenvolvimento profissional.

“Dos diferentes departamentos pelos quais eu passei, todos tive excelente desempenho, desfrutei de muitas experiências e novos conhecimentos adquiridos, é uma sensação gratificante saber que eu fiz parte desse lugar incrível como Jovem Aprendiz”, declara. O estudante do Colégio Estadual Antônio Oliveira da Silva, Thiago Régis, 18 anos, considera o Setor de Atendimento o departamento com o qual mais se sentiu estimulado a se desenvolver profissionalmente.

“Nesse departamento, além da necessidade do conhecimento técnico, é tão igualmente importante aprender os caminhos para entender a necessidade do usuário para orientá-lo de forma clara e objetiva, a fim de evitar quaisquer eventualidades, prezando pelo bom atendimento. Assim, têm-se a necessidade da prática constante do estudo de materiais pertinentes à execução da atividade, além do indispensável desenvolvimento da fala coesa e coerente com os alinhamentos internos”, explica o jovem.

Após participarem do Construindo o Futuro, os jovens citam quais competências desejam desenvolver enquanto colaboradores efetivos do 1ºRIGO.  “Minhas expectativas é ser uma excelente colaboradora, ter muitos conhecimentos além dos que tenho, meu objetivo é construir uma jornada maravilhosa aqui”, afirma Isabella Camilo.

Em contrapartida, Juan explica que, com sua atuação na Ouvidoria, espera desenvolver melhor sua comunicação. “Com essa efetivação, na ouvidoria, eu espero desenvolver mais ainda a minha comunicação, adquirindo novos conhecimentos, novas experiências, buscando sempre servir aos usuários”, declara.

Desde o lançamento do Programa Construindo o Futuro, o intuito do 1ºRIGO é oportunizar que jovens estudantes de escolas públicas tenham acesso a um ambiente de trabalho que propicie o desenvolvimento de seus potenciais. Com o encerramento do segundo ciclo do Programa, a declaração de Thiago Régis confirma que esse intuito tem sido cumprido. “Da Serventia, espero tudo aquilo que já tive o prazer de vivenciar, uma equipe profissional, competente e muito unida, um ambiente laboral amistoso e organizado que propicia o crescimento profissional e pessoal de todos os colaboradores”, declara.

Fonte: Rota Jurídica